SEJA UM ASSOCIADO
É FÁCIL.
É ACESSÍVEL.
É AMIC.
jun
30

Linha emergencial de crédito é voltada para micro e pequenos empresários

Desde que chegou ao Brasil, o novo coronavírus vem gerando um grande impacto não só na saúde, mas também na economia brasileira. Segundo uma pesquisa realizada pelo Sebrae e a FGV, 88,7% dos micros e pequenos empresários do país, relataram queda no faturamento mensal das suas empresas.

Com isso, os micros e pequenos empresários, para manter o funcionamento das empresas, começaram a procurar por linhas de crédito e empréstimos que pudessem de alguma forma evitar a demissão de funcionários ou até mesmo o fechamento do negócio. Do outro lado, bancos e cooperativas de créditos começaram criar produtos com taxas de juros menores a prazos diferenciados. O objetivo é possibilitar ao micro e pequeno empresário a continuidade dos serviços.

O Sicoob foi uma dessas cooperativas que criou uma linha emergencial voltada ao micro e pequeno empresário. Em parceria com a Garantioeste, a cooperativa está ofertando ao novo e antigo cooperado, uma linha de capital de giro, que possibilita um auxílio de até R$50.000,00, com taxas de juros a partir de 1% ao mês e até 6 meses de carência.

Para o diretor de mercado do Sicoob Credicapital, Waldemar Antônio Paetzold, a criação dessas linhas emergenciais ressalta a obrigação que as cooperativas possuem com os seus cooperados e com a comunidade em geral. Segundo o supervisor de crédito, André Tonin, essa linha entrou em vigor no dia 15 de março e desde então 175 empresas já utilizaram esse benefício. Foram R$4.700.000,00 liberados desde então, valor que ajuda diretamente ao micro e pequeno empresário e indiretamente toda a comunidade, reduzindo um pouco dos impactos do novo coronavírus.

Assessoria SICOOB

Crédito da foto: Pixabay